Prefeitura Municipal de Nova Venécia

Prefeitura retoma obras da Vila Olímpica

As obras para a construção da Vila Olímpica foram retomadas em agosto deste ano pela empresa responsável pelo serviço.  A prefeitura já fez a limpeza do local, instalação de postes de iluminação, dos bueiros, das bases das quadras e banheiros. 

Localizada na área do antigo Parque de Exposições, a Vila Olímpica será destinada à prática de atividades físicas, como futebol, basquetebol, tênis, voleibol, handebol, entre outros. A Vila Olímpica será composta por uma quadra de tênis, uma de areia, duas quadras poliesportivas, quadra de futebol e paisagismo com áreas verdes e árvores de várias espécies. O valor do investimento é em torno de R$ 3,7 milhões. 

O projeto da Vila Olímpica começou na gestão passada. A atual administração municipal fez modificações no projeto, ampliando a área com a construção da UPA e o Centro de Especialidades Médicas, otimizando o uso do espaço para oferecer serviços de saúde à população. Com isso, o projeto foi paralisado em 27 de maio de 2013 e retomado neste ano. 

Além da Vila Olímpica, a Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Nova Venécia está sendo erguida no antigo Parque de Exposições. O total de investimentos para a construção da unidade de saúde é de cerca de R$ 2 milhões, entre recursos do município e Ministério da Saúde. A UPA atenderá a população 24 horas por dia, sete dias por semana, demandas de urgências e emergências. 

Outra obra importante no local é o Centro de Especialidades Médicas do Espírito Santo. A construção da unidade está concluída e vai facilitar o acesso dos usuários a serviços públicos de saúde com alto padrão de qualidade, resolutivos e humanizados. 

A unidade terá a capacidade de realizar 600 procedimentos ambulatoriais, 5.280 consultas e 4.680 exames especializados mensalmente. O Centro de Especialidades de Nova Venécia vai atender pacientes dos municípios de abrangência do Consórcio Intermunicipal de Saúde. 

Os serviços serão ofertados em ambiente humanizado, com 1.200 metros quadrados de área construída, dividida em vários setores. A construção, localizada no antigo parque de exposições, está orçada em R$ 4,5 milhões.