Prefeitura Municipal de Nova Venécia

Audiências Públicas para o Orçamento 2017 começam por Nova Venécia

O prefeito Mário Sérgio Lubiana participa na quarta-feira, 15, da Audiência Pública para o Orçamento 2017, a partir das 13 horas, no auditório da Secretaria Municipal de Educação, no bairro Margareth. A população está convidada a participar e propor sugestões para a elaboração do novo orçamento. Outros quatro encontros presenciais serão realizados até o dia 29 deste mês, envolvendo moradores de todas as regiões do Espírito Santo.

Durante o encontro, o secretário de Estado de Economia e Planejamento, Regis Mattos Teixeira, fará uma visita às obras do Centro de Consultas e Exames Especializados de Nova Venécia, às 8 horas.  Em seguida, o secretário participará de um encontro com secretários de Finanças de todos os municípios que compõem as regiões noroeste e nordeste do Estado, às 9h30, no auditório da Secretaria Municipal de Educação. Em pauta, o atual cenário econômico nacional, situação fiscal do Estado e perspectivas para a elaboração do orçamento 2017.

Esta é a primeira microrregião a receber as discussões presenciais sobre o orçamento 2017 e que tem como sede o município de Nova Venécia. Englobam a microrregião noroeste e nordeste: Águia Branca, Água Doce do Norte, Barra de São Francisco, Ecoporanga, Mantenópolis, Nova Venécia, Vila Pavão, Boa Esperança, Conceição da Barra, Jaguaré, Montanha, Mucurici, Pedro Canário, Pinheiros, Ponto Belo e São Mateus.

Moradores de todo o Estado podem contribuir para a elaboração do Orçamento 2017 acessando o site Orçamento em Rede www.orcamento.es.gov.br. Na versão mobile (desenvolvida com o objetivo de facilitar o acesso e ampliar a participação dos cidadãos), o site já está no ar e ficará disponível até o dia 7 de julho. O acesso ao site pode ser feito por meio de computadores, smartphones e tablets. A página traz os desafios divididos em dez temas: Educação; Saúde; Segurança, Justiça e Defesa Social; Desenvolvimento Social; Desenvolvimento Econômico; Infraestrutura e Logística; Desenvolvimento Urbano e Regional; Meio Ambiente e Agricultura; Turismo, Cultura e Esporte; e Gestão Pública.

Neste ano, participantes das audiências poderão também informar de que forma, individualmente, podem contribuir para a superação dos desafios apontados. Para tanto, após escolherem o tema, destacarem um desafio e enviarem sua sugestão de resolução, devem redigir um texto de até 200 caracteres informando sua forma de contribuição para a superação desse desafio.

 

Encontros presenciais

Além da participação por meio de site, cidadãos do Estado também poderão participar de encontros presenciais, contribuindo com suas propostas para que o Governo possa mapear os principais desafios das microrregiões. 

Serão cinco os encontros presenciais: em Nova Venécia, no dia 15, na sede da Secretaria de Educação; em Colatina, no dia 16, na Área Pastoral; em Cachoeiro de Itapemirim, no dia 24, na Faccaci; em Santa Maria de Jetibá, no dia 23, na Faresi; e em Cariacica, no dia 29, no Ifes de Itacibá.

 

Cenário

Promovidas pela Secretaria de Economia e Planejamento (Sep), as Audiências Públicas também vão proporcionar aos participantes a possibilidade de se informarem sobre o cenário econômico do Espírito Santo, por meio de palestras proferidas por técnicos do Instituto Jones dos Santos Neves (IJSN), que é vinculado à Sep.

Nas reuniões plenárias, os cidadãos também poderão demandar autoridades presentes em relação aos temas de seu interesse. Nos locais das audiências, paralelamente, poderão acessar o site www.orcamento.es.gov.br, utilizando seus próprios smartphones, tablets ou terminais de computadores disponibilizados pela Secretaria.

O secretário de Economia e Planejamento, Regis Mattos Teixeira, destaca a importância da participação da população nas audiências, afirmando que o Governo do Estado quer dividir com as pessoas o que é prioritário em cada região do Espírito Santo.

“Neste momento grave da vida nacional, a colaboração da população é fundamental para que possamos superar as dificuldades que enfrentamos. Queremos colher opiniões, debater e acolher as sugestões dos cidadãos”, diz Regis Mattos.

 

Calendário das audiências

 

Microrregiões Noroeste e Nordeste

Cidade sede: Nova Venécia

Dia: 15

Horário: 13h

Municípios:

Águia Branca, Água Doce do Norte, Barra de São Francisco, Ecoporanga, Mantenópolis e Vila Pavão.

Boa Esperança, Conceição da Barra, Jaguaré, Montanha, Mucurici, Pedro Canário, Pinheiros, Ponto Belo e São Mateus.

 

 

Microrregiões Centro-Oeste/ Rio Doce

Cidade sede: Colatina

Dia: 16

Horário: 13h

Municípios:

Alto Rio Novo, Baixo Guandu, Governador Lindenberg, Marilândia, Pancas, São Domingos do Norte, São Gabriel da Palha, São Roque do Canãa e Vila Valério, Aracruz, Ibiraçu, João Neiva, Linhares, Rio Bananal e Sooretama.

 

Microrregião Central Serrana / Sudoeste Serrana

Cidade sede: Santa Maria de Jetibá

Dia: 23

Horário: 13h

Municípios:

Itaguaçu, Itarana, Santa Leopoldina e Santa Teresa.

Afonso Cláudio, Brejetuba, Conceição do Castelo, Domingos Martins, Marechal Floriano, Laranja da Terra e Venda Nova do Imigrante. 

 

Microrregiões Central Sul / Caparaó / Litoral Sul

Cidade sede: Cachoeiro de Itapemirim

Dia: 24

Horário: 13h

Municípios:

Apiacá, Atílio Vivacqua, Castelo, Jerônimo Monteiro, Mimoso do Sul, Muqui e Vargem Alta.  

Alegre, Bom Jesus do Norte, Divino de São Lourenço, Dores do Rio Preto, Guaçuí, Ibatiba, Ibitirama, Irupi, Iúna, Muniz Freire e São José do Calçado.

Alfredo Chaves, Anchieta, Iconha, Itapemirim, Marataízes, Piúma, Presidente Kennedy e Rio Novo do Sul.

 

Microrregião Metropolitana

Cidade sede: Cariacica

Dia: 29

Horário: 14h

Municípios:

Guarapari, Fundão, Serra, Viana, Vila Velha e Vitória.

 

Com informações da Assessoria de Comunicação Social da Secretaria de Estado de Economia e Planejamento.