Prefeitura Municipal de Nova Venécia

Prefeito de Nova Venécia pede apoio à Força Nacional

Após reunião realizada pelo GGIM - Gabinete de Gestão Integrada do Município, que teve como pauta a crise na Segurança Pública, o prefeito de Nova Venécia, Mário Sérgio Lubiana, solicitou  ao Ministério da Defesa, por meio de ofício,  apoio de militares das Forças Armadas para garantir o bem estar das famílias venecianas, que se tornaram reféns, presas em suas próprias residências, enquanto a marginalidade impera pela falta de policiamento, em virtude da greve da Policia Militar do Estado do Espírito Santo.

 

“Reivindicamos ao ministro da Defesa, Raul Jungmann, que envie pelo menos 40 militares das Forças Armadas para combater a criminalidade instalada nas ruas da cidade provocando homicídios, roubos, furtos, depredação e saqueamento de lojas comerciais, além do restabelecimento das atividades escolares, bancárias, entre outros”, disse o prefeito e presidente do GGIM, Lubiana Barrigueira.

 

O prefeito justifica o pedido de militares das Forças Armadas, ratificando que o Estado passa por um momento muito crítico na segurança pública. “O exército está atuando apenas na Grande Vitória e as famílias das cidades do interior estão apreensivas, inseguras e sofrendo com a pressão psicológica e prejuízos financeiros. Precisamos de ajuda urgente nesse momento tão difícil que passa nossa região e Estado”, pede Lubiana.

 

 

O protesto, organizado pelos familiares dos PMs em todo o Estado, começou na sexta-feira (03), impedindo a saída de policiais e viaturas dos Batalhões, provocando o caos na Segurança Pública do Espírito Santo.