Prefeitura Municipal de Nova Venécia

Conselho Municipal de Saúde elege nova diretoria

Conselho Municipal de Saúde elege nova diretoria

O Conselho Municipal de Saúde de Nova Venécia realizou, na tarde da última quarta-feira (5), uma reunião para dar posse aos novos conselheiros e eleger a nova mesa diretora para o biênio de 2017-2019.

A eleição aconteceu no auditório da Secretaria Municipal de Saúde e contou com a presença do prefeito, Lubiana Barrigueira, vereador Biel da Farmácia, presidente do Conselho, Carlos Augusto Fernandes, diretor do hospital São Marcos, Alessandro Aguilera, representantes do Corpo de Bombeiros, entre outras autoridades.

Após ser feita a nomeação dos novos membros, titulares e suplentes do Conselho, foi aberta votação para a eleição do novo presidente, vice-presidente e 1° e 2° secretários. Com a maioria dos votos, Carlos Augusto Fernandes foi reeleito presidente. Junto com ele foram eleitos como vice-presidente, André Wiler Silva Fagundes, 1ª secretária, Izabel Aparecida Moreira Lima e 2ª secretária, Dalva Leal Elias Rossim.

“Gostaria de agradecer todos os conselheiros que confiaram em mim com os seus votos. Permaneço à frente deste órgão, mas claro que precisamos andar juntos. Todos nós devemos ser atuantes, fiscalizando e deliberando em relação às ações na área da saúde”, disse Carlos Augusto, após ser reeleito.

Na oportunidade, o prefeito Barrigueira parabenizou os conselheiros pelo trabalho voluntário e destacou a importância da atuação de cada um nas ações voltadas para a saúde no município. “Todas as decisões, projetos e ações na saúde passam pela aprovação ou não deste Conselho. Vocês representam a sociedade e entidades de nosso município. É muito nobre a missão de todos os conselheiros, e quem ganha com isso é a população. Digo que nossa ideia é continuar com os mesmos projetos, investindo para valorizar e avançar na saúde. É importante que os novos membros continuem atuando com a mesma seriedade, responsabilidade e dedicação; atributos que sempre foram marca do Conselho de Saúde”, finalizou Barrigueira.