Prefeitura Municipal de Nova Venécia

Auto da Paixão de Cristo emociona grande público em Nova Venécia

Auto da Paixão de Cristo emociona grande público em Nova Venécia

O público prestigiou, e se emocionou, na apresentação teatral do Auto da Paixão de Cristo, em sua 10ª edição, na noite da última sexta-feira (13), no Parque de Exposições “Luiz Henrique Altoé”, em Nova Venécia.

Mais de 150 artistas de denominações católica e evangélica, entre papeis específicos e figurantes, conseguiram mais uma vez renovar as emoções e sensibilizar cerca de 4 mil pessoas que prestigiaram o evento.

Um grande espetáculo que mostrou milagres não representados nas edições passadas. Uma superprodução que utilizou até de efeitos especiais em algumas cenas. “Tivemos algumas coisas diferentes e o público percebeu. Na abertura, por exemplo, caracterizamos quatro evangelistas como estátua viva, algo que em Nova Venécia nunca havíamos trabalhado. A tentação de Cristo foi caracterizada por uma serpente e isso também foi um diferencial”, disse Celso Calvi, organizador do evento.

De acordo com o secretário de Cultura e Turismo de Nova Venécia, Anderson Sabino, o Auto da Paixão de Cristo, além de ser histórico e cultural, mantém a tradição viva no município. “O evento é cultural, mas também se torna um produto turístico, ao atrair uma plateia numerosa da cidade e de outros municípios. A cada ano percebemos o crescimento deste belíssimo espetáculo e estamos aqui para apoiar e incentivar”, disse.

O papel principal (Jesus Cristo) foi interpretado por Luciano Carvalho Bravin, que atua há nove anos na peça. O evento contou com a participação de profissionais voluntários como costureira, carpinteiro, eletricista, entre outros.

O Auto da Paixão de Cristo é uma realização do Grupo Teatral Ascensão em parceria com a Secretaria de Cultura e Turismo de Nova Venécia.

Limpeza

O Grupo Teatral Ascensão se comprometeu e foi ao parque de exposições nesta segunda-feira (17) realizar toda a limpeza do local. “Muitos descartáveis que podem acumular água e outros tipos de lixo foram retirados pela nossa equipe de teatro. Isso nos motiva cada vez mais. Lembrando que o tema da Campanha da Fraternidade este ano é justamente voltado para a questão ambiental. Então juntamos o útil ao agradável, oferendo ao público um belo espetáculo com conscientização ambiental”, finalizou Celso Calvi.