Prefeitura Municipal de Nova Venécia

Encontro com agricultores familiares de Nova Venécia discute compra de alimentos

Encontro com agricultores familiares de Nova Venécia discute compra de alimentos

A Prefeitura de Nova Venécia, em parceria com o SEBRAE, retoma o projeto de inserção dos agricultores familiares nas chamadas públicas para aquisição de alimentos. E a primeira ação para isso foi a realização de uma reunião, na manhã desta segunda-feira (07), no auditório da Secretaria Municipal de Educação (Cerimonial D´Venezia), que tratou exclusivamente sobre o assunto.

A diretora da Magma Consultoria, Fabrine Schwanz Dias, que atualmente desenvolve projetos com foco no Desenvolvimento Territorial, foi a palestrante do evento. Durante o encontro, ela fez questão de frisar que a ideia é trabalhar com estratégias para fomentar a participação dos produtos da Agricultura Familiar nas compras do município, levando em consideração não somente o PNAE, mas trabalhando com alternativas como a utilização do PAA institucional e do recém-instituído vale-feira, benefício dado aos servidores públicos municipais, que contribuirá para promover a circulação de R$60mil a mais em recursos, na feira do produtor a cada mês, fomentando a economia local.

Outra ação é a revisão do cardápio servido nas escolas municipais de forma a potencializar a aquisição de produtos da agricultura familiar. Posteriormente, as merendeiras também vão passar por capacitações junto ao SENAR com o objetivo de ampliar a utilização dos produtos da região.

A proposta é potencializar as compras da agricultura familiar, bem como criar alternativas de comercialização da produção, melhorando a qualidade da alimentação escolar, gerando renda para o produtor de Nova Venécia.

O evento contou com a participação dos secretários municipais, Anderson Sabino (Cultura e Turismo), Irineu Zotelle (Administração), Edson Maquiori (Planejamento), Arilso Teixeira (Educação), representantes do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Nova Venécia, entidades do setor agrícola e produtores.

Retomada

A forte seca que ocorreu nos últimos anos prejudicou a produção agrícola e refletiu diretamente na diminuição da participação de produtores nos programas de compras de alimentos. Mas em 2017 os agricultores recuperaram grande parte da produção e encerraram o ano entregando 54% dos produtos adquiridos com recursos repassados pelo Programa Nacional da Alimentação Escolar (PNAE). Diante da nova fase, a ideia é fomentar ainda mais a participação de novos produtores locais e aumentar esse índice.