Prefeitura Municipal de Nova Venécia

“O Vale Feira é mais uma proposta cumprida do nosso Plano de Governo”, diz Barrigueira

“O Vale Feira é mais uma proposta cumprida do nosso Plano de Governo”, diz Barrigueira

A partir desta sexta-feira (21), são R$ 60 mil a mais por mês, o que equivale a R$ 720 mil por ano, para movimentar as feiras livres de Nova Venécia, fomentar a Agricultura Familiar local, além de fortalecer o poder de compra dos 2 mil servidores municipais

Na última segunda-feira (17), dezenas de produtores inseridos na agricultura familiar, que atuam nas feiras livres de Nova Venécia, se reuniram na sala de reuniões da Prefeitura para finalizar o credenciamento e iniciar a comercialização de produtos por meio do Vale Feira. A reunião foi conduzida pelos secretários municipais de Administração, Irineu Zotelle, e de Agricultura, Natalino Cassaro, com a participação de representantes do Incaper. Até o momento, 19 produtores foram cadastrados e já estão aptos para receber os vales.

Os carnês já foram distribuídos para os 2 mil servidores municipais e valem a partir deste final de semana, nas feiras livres que acontecem na Cidade Alta (sextas-feiras) nas proximidades da Praça Adélio Lubiana (sábados).

Além de fortalecer o poder de compra dos servidores, a iniciativa vai beneficiar diretamente a agricultura familiar do município. São R$ 60 mil por mês, o que equivale a R$ 720 mil por ano, para movimentar as feiras e fortalecer o agricultor local.

A iniciativa é a concretização de mais uma proposta do Plano de Governo do prefeito Lubiana Barrigueira. “A criação do Vale Feira está registrada no nosso Plano de Governo, da última eleição. Com a efetivação dessa proposta, além de beneficiar o servidor, vamos impulsionar a agricultura familiar do município e aumentar o movimento de pessoas circulando nas feiras. É um favorecimento enorme ao homem do campo”, destacou.

Produtor rural, Juraci Quintino Francisco fez questão de fazer seu cadastro junto à Secretaria Municipal de Agricultura. “É mais um projeto que traz segurança para nós no campo. Vem contribuir, e muito, com o pequeno produtor. É garantia nas vendas dos nossos produtos, porque a gente produz e tem a certeza de que vai vender. Com isso, podemos trabalhar tranquilo. Tem tudo para dar certo. Um projeto que é pioneiro em nossa região e acredito até que será copiado por outros municípios”, comemora o produtor, que mora com sua família no assentamento Córrego Alegre, sítio Sombra da Mata.

Ideia é implantar sistema de cartão

Com o Vale Feira, cada servidor tem direito a R$ 30 mensais. Os carnês são compostos por cinco talões, no valor de R$ 6 cada, mas a ideia é implantar o sistema de cartões nos próximos meses. “Iniciamos o projeto com a distribuição de carnês, mas já estamos providenciando o processo licitatório para contratação de empresa visando implantar o sistema de cartão magnético, com o intuito de facilitar para os servidores e também para os feirantes”, disse o secretário de Administração, Irineu Zotelle.

Os primeiros vales entregues são relativos ao mês de agosto. Os próximos carnês serão distribuídos até o dia 5 de cada mês. O Vale Feira não perde validade, e pode ser utilizado mesmo após o mês vigente. Cada barraca cadastrada terá um banner de identificação de credenciamento para facilitar aos servidores.

Beneficiários

Estão participando do programa, produtores rurais inseridos na agricultura familiar - vinculados a associações devidamente constituídas em Nova Venécia e Micro Empreendedores Individuais – MEI, com autorização de funcionamento nas feiras.

A complementação alimentar não será estendida para o prefeito, vice-prefeito, secretários municipais, procurador jurídico, chefe de gabinete e controlador geral. A ação faz parte do Projeto Campo Vivo de fortalecimento do turismo rural em Nova Venécia e região e estruturação do homem do campo.